Super raviolis de abóbora

img_42221

São enormes, cremosos, vegan e sem glúten. Uma versão bem menos calórica dos raviolis normais, mas deliciosos!

Não consigo escolher apenas um prato favorito, tenho vários. Mas posso dizer-vos que no top 10, metade devem ser pratos de massa. Se fosse possível subsistir de forma saudável a comer apenas massa com azeite, ou com manteiga, ou por si só, eu seria a candidata ideal. Mas não é. Uma vida saudável faz-se diversificando e não falo apenas de alimentação. É necessário diversificar também o nosso dia a dia, as nossas actividades, os nossos pensamentos, as nossas experiências.

As rotinas dão jeito e são boas do ponto de vista organizacional, mas há que as quebrar de vez em quando. Eu canso-me muito facilmente das rotinas e dou por mim a tentar fazer coisas diferentes a meio da semana. Sei que com filhos, família, etc. é mais difícil, mas não é impossível. Por vezes acomodamo-nos porque é mais fácil, dá menos trabalho e acima de tudo porque andamos cansados a maio parte do tempo.

Pois bem, aí é que está a questão. Eu acredito que andamos cansados exatamente porque nos acomodamos. A rotina cansa-nos sem que dêmos conta e é um ciclo vicioso. Vamos jantar fora a meio da semana, vamos experimentar aquela aula de dança que tanto queremos fazer, vamos por os miúdos nos avós e fazer aquela viagem que vai durar o fim de semana inteiro e que nos vai deixar exaustos. Mas vai ser um cansaço bom. Porque quando regressarmos à rotina vamos sentir-nos rejuvenescidos. Com mais fôlego. Porque vivemos um bocadinho nesse dia, hora ou minutos.

Há fases da vida em que precisamos de quebrar ciclos e para isso é preciso coragem. Já vos aconteceu aparecer-vos a oportunidade perfeita mas no timing errado? Decerto que  sim: um novo cargo na altura errada, um novo amor na altura errada… Pergunto-me se na realidade não terá sido no timing certo e a nós é que nos pareceu errado? Só o futuro o dirá. O que não pode faltar é coragem, seja para dizer que sim ou para dizer que não.

Enquanto pensam sobre isto (ou não), experimentem estes raviolis que são muito fáceis de fazer e bem mais light do que os normais. Uma receita diferente para quebrar a rotina. Espero que gostem.


Ingredientes: (4 a 6 raviolis)

6-8 folhas de papel de arroz (usei redondas)

1/2 chávena de chá de caju cru demolhado (mínimo 4h)

1 chávena de chá de abóbora manteiga em pedaços

1 colher de chá de alho assado ou massa  de alho

1 colher da chá de massa de pimentão

1/2 chávena de chá de água quente (mais se necessário)

flor de sal e pimenta preta em moinho a gosto

1/4 chávena de chá de azeite extra virgem + 1 fio a gosto

alecrim fresco (opcional)

Preparação:

Asse a abóbora no forno a 180ºC, temperando-a com sal, pimenta, azeite e folhas de alecrim. Retire quanto estiver macia (cerca de 15-20 min). Em alternativa também a pode colocar no microondas.

Escorra os cajus e coloque-os num robot de cozinha ou liquidificador. Junte a abóbora, o alho, massa de pimentão, 1 fio de azeite e 1/2 chávena de água e triture tudo. É possível que tenha que parar várias vezes e raspar a mistura das parede do liquidificador ou robot de cozinha, mas não desista e continue. Se vir que a mistura está muito densa, adicione um pouco mais de água e repita o processo. Assim que tiver um molho aveludado, prove e adicione sal e pimenta a gosto. Volte a triturar e reserve.

Perfume o azeite com o alecrim numa frigideira ou coloque numa taça no microondas durante 1min. Reserve.

Encha um pirex com água a ferver e mergulhe uma folha de papel de arroz, até estar totalmente submersa (use uma pinça para não se queimar). Bastam 2 ou 3 segundos e retire-a para uma tábua. Estenda-a com cuidado na tábua e coloque no centro uma colher de sopa bem cheia da mistura que preparou. Repita o processo com outra folha de papel de arroz e desta vez disponha-a por cima da anterior, para formar o ravioli (deve fazê-lo com alguma rapidez e enquanto a folha está molhada porque assim que seca começa a agarrar-se e dificulta o processo). Pressione em redor do recheio, para evitar que se formem bolhas de ar, e até às bordas para o selar.

Pincele o ravioli por fora com o azeite e alecrim e transfira-o para um prato grande ou travessa (isto irá impedi-lo de secar). Repita para as restantes folhas de arroz e recheio.

Junte mais um fio de azeite e alecrim fresco, se necessário, e sirva de imediato.

Nota: utilize de preferência ingredientes biológicos.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s