Panquecas de maçã e canela

Panquecas de maçã e canela

A minha primeira receita vegan de panquecas! As maçãs tornam-nas húmidas e o sabor a canela faz desta a receita perfeita para as manhãs de outono. Sem glúten ou açúcar refinado.

Maçã e canela, haverá parelha com mais sabor a outono de que esta? Acredito que não e é uma das minhas favoritas!

Esta semana recebi uma remessa de fruta da minha prima Rosário. Ela vive em Vila Verde (Braga) e tem uma pequena quinta que julgo ser uma fatia encantada do norte de Portugal. Digo isto porque nunca vi um pedaço de terra produzir tanta variedade de fruta, legumes, frutos secos e afins como a quinta dela. E tudo 100% biológico. Não o biológico certificado, claro, mas sim o “biológico caseiro”, já que tudo ali é feito artesanalmente por ela, para consumo próprio, da família e amigos.

Sempre que lá vou fico com uma vontade indescritível de ter um pedacinho de terra para poder plantar, colher e consumir as minhas frutas e legumes, o mais naturalmente possível. E é provável que este sonho se torne realidade muito em breve. É que desde que regressei de Angola não penso senão em viver fora de Lisboa. Adoro Lisboa, é a minha cidade e sei que parte da minha vida é aqui, mas decidi que vou comprar casa numa zona de campo, a cerca de 30 minutos da capital.

Quero acordar de manhã, respirar ar puro, ouvir os passarinhos, ter espaço para plantar, cozinhar, criar um pequeno estúdio de fotografia e quem sabe convidar-vos um dia destes para um workshop ou brunch feitos por mim! Parece-vos bem? 🙂 Aguardem notícias minhas.

Quanto às panquecas, são deliciosas, fáceis de fazer e como são vegan não levam ovos nem leite. Espero que gostem e já sabem, partilhem comigo as vossas opiniões e os resultados.


Ingredientes: (5 a 6 panquecas)

1 chávena de chá de farinha sem glúten (usei uma mistura da Uterke)

3/4 de chávena de chá de maçã cozida e esmagada com um garfo grosseiramente*

1 colher de sopa de farinha de linhaça

1 colher de café de bicarbonato de sódio

3 colheres de sopa de água

1 colher de café de baunilha

1 colher de chá de canela

3 colheres de sopa de xarope de ácer

1 + 1/4 chávena de chá de leite de amêndoa (mais se necessário)

Toppings: maçã em carpaccio, xarope de ácer e canela a gosto

Preparação:

Misture a linhaça e a água numa taça, misture e reserve por 3-5 minutos até uma consistência gelatinosa.

Numa tigela misture a maçã pisada, canela, baunilha, xarope de ácer e leite de amêndoa. Noutro recipiente misture todos os ingredientes secos. Junte de seguida, a pouco e pouco, os ingredientes secos à mistura húmida, envolvendo bem. Se lhe parecer demasiado seco, junte um pouco mais de leite de amêndoa, mas atenção que não se pretende uma mistura tão liquida como a das panquecas normais.

Em lume médio aqueça uma frigideira anti-aderente (se necessário unte-a com óleo de coco para não pegar) e disponha 2 a 3 colheres da mistura para cada panqueca. Utilize a colher para ajudar a definir a forma redonda de cada panqueca. Baixe o lume e cozinhe 2 a 3 min até ficar dourada. Vire a panqueca com uma espátula e cozinha o mesmo tempo do outro lado. Transfira para o prato e repita o processo para a restante mistura.

Adicione os toppings à escolha e sirva.

Nota: utilize de preferência ingredientes biológicos. *Usei cerca de 1+1/2 maçãs grandes cozidas e sem casca. Pode cozer no micro-ondas por 2-3 min, assá-las no forno ou cozê-las em água. Se optar por este último processo escorra-as antes de as utilizar.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s