Ovos e substitutos

Como Escolher?

Tal como nos produtos frescos, eu prefiro sempre ovos biológicos. Para além de serem mais saudáveis o sabor é bem diferente e as condições em que os animais são mantidos também. Por isso deixo-vos aqui a dica para saberem sempre o que estão a comprar: verifiquem o 1º digito do código de barras impresso nos ovos, já que ele diz respeito ao modo de criação e produção. A saber:

  • 3: criação de galinhas em gaiolas convencionais. São os mais baratos e menos saudáveis, os animais passam toda a vida adulta em gaiolas e com iluminação artificial.
  • 2: criação de galinhas no solo. São baratos e menos saudáveis. Os animais não saem para o exterior e vivem com iluminação artificial.
  • 1: criação de galinhas ao ar livre. São mais saudáveis que os anteriores. Os animais alternam entre um espaço interior para a noite e o exterior durante o dia, quando o tempo o permite.
  • 0: galinhas criadas ao ar livre e alimentadas com ingredientes biológicos. Esta é a escolha mais saudável para pessoas e animais.
    Em prol de uma alimentação saudável e dos direitos dos animais eu opto por ovos com o código zero ou ovos caseiros, de algum produtor que eu conheça e confie.

Como verificar se ainda estão bons?

Outra dúvida que muitas vezes surge, especialmente quando nos são dados ovos caseiros, é até quando estarão bons para consumir. Para isto também tenho um truque: basta encher um copo com água e mergulhar o ovo. Se boiar não está bom, se for ao fundo podem deliciar-se. Eu faço isto com todos os ovos 😉

Nota: os códigos acima funcionam apenas para ovos produzidos na U.E.

Substitutos dos ovos

Muitas são as vezes que me questionam sobre quais os melhores substitutos para os ovos. Na verdade não existe uma fórmula perfeita que funcione sempre. Temos primeiro que perceber qual a função dos ovos na receita em questão e parti daí para experimentar algumas substituições. Deixo abaixo as que utilizo com mais frequência e melhores resultados:

  •  Aquafaba: a água de cozer o grão (bem reduzida) é um excelente substituto das claras de ovos. Pode ser batida, tal como as claras, até ao ponto de claras em castelo e utilizada para incutir ar ou leveza em receitas que necessitam de claras nesse ponto.
  • Purés de frutas (banana ou maçã): gosto muito de utilizar purés como substitutos de ovos em especial porque têm o benefício de adoçar naturalmente uma receita e evitamos adicionar maior quantidade de adoçante. Funcionam em receitas onde os ovos têm a função de ligar os ingredientes, porém devem ser puré densos, com pouca água (em especial no caso do puré de maçã) para não alterar a densidade da massa.
  • Sementes: são comuns os “ovos de linhaça ou chia” em várias das minhas receitas. Um ovo destes equivale a um ovo normal e faz-se adicionando 1 c. sopa destas sementes (trituradas ou não) com 3 c. sopa de água e aguardando 2-5 min. até que um gel se forme. Estes “ovos” funcionam também como agentes de ligação das massas. 
  • Manteigas de frutos secos: tal como nos casos anteriores a as manteigas de frutos secos também podem funcionar como bons substitutos dos ovos na função de agente de ligamento. Experimente usar cerca de 1 c.sopa de meia de manteiga de amêndoa ou outras em substituição de um ovo.

Estas são as opções que mais utilizo porém para que funcionem é preciso ter alguma experiência e saber bem o ponto das massas. Se quer retirar os ovos da sua alimentação o meu melhor conselho é então que escolha receitas feitas de raiz sem ovos, poderá encontrar várias aqui no site.

Gostou? Partilhe com os seus amigos

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *