Gallette de marmelo e nozes

Gallette de marmelo e nozes - Blog da Spice
English English Portuguese Portuguese

Esta gallette de marmelo e nozes é assim mesmo: rústica, acabada de sair do forno e deliciosa! Com fruta da época e cheia de ingredientes naturais. Conto-vos ainda um pouco sobre a minha experiência no curso de Culinária Macrobiótica.

Macrobiótica? Mas isso é o quê? Perguntam-me muitas vezes, em casa inclusive. Na visão do meu Pai são pessoas mal humoradas e que passam metade da vida a mastigar. É a visão que ele tem dos macrobióticos de há 30 ou 40 anos atrás. Hoje a história é diferente (pelo menos para mim).

Numa das minhas pesquisas sobre alimentação e vida saudável cruzei-me com este artigo do Francisco Varatojo. Li-o do início ao fim e, apesar de não estar familiarizada com alguns termos, senti uma epifania. Sempre achei que a visão dos alimentos do ponto de vista meramente nutricional era incompleta, que cada corpo é um corpo e por isso processam coisas iguais de maneiras diferentes e que a influencia da alimentação nos corpos era mais profunda do que aquela que conhecemos e supomos. Com este artigo fez-se luz. A comida, para além de injectar nutrientes na nossa corrente sanguínea, altera a nossa energia, o nosso estado de espírito.

Na primeira aula sobre este tema, Bill Tara referiu que só temos consciência do quanto a nossa alimentação afecta o nosso comportamento em casos extremos: álcool, drogas, etc. Mas a verdade é que tudo o que ingerimos nos influencia. A carne provoca um efeito, o peixe outro, os legumes outros, o açúcar outro, etc. E ganhar essa consciência é ganhar poder sobre o nosso corpo, pois aprendemos a ingerir os alimentos certos nos momentos certos e com isso atingimos o nosso potencial máximo.

Ao contrário do que parece, não é abstermo-nos de comer uma série de coisas. É sim, decidirmos de forma mais informada o que devemos ou não comer e quando. A única restrição é mesmo em relação aos alimentos processados, esses sim estão fora. É por isso uma alimentação mais natural, assente nos cereais integrais, vegetais, leguminosas, algas, elementos fermentados (pickles), entre outros, como forma de manter uma flora intestinal saudável e um processo digestivo fácil para o nosso corpo. E sim, esta dieta também inclui sobremesas, doces e muitas outras coisas boas.

Um bom exemplo é esta gallette de marmelo deliciosa. Feita com cereais integrais e com fruta nacional e da época. A base desta tarte foi inspirada numa receita do chef Marco Fonseca, do IMP. É perfeita para o lanche, acompanhada de um bom chá quente. Espero que gostem!

Gallette de marmelo e nozes

Gallette de marmelo e nozes - Blog da Spice

Ingredientes

Ingredientes

  • Base
  • 1+2/3 de chávena de chá (cup) de farinha de espelta branca
  • 1/3 de chávena de chá (cup) de farinha e castanha
  • 1 c. sopa de geleia de arroz em pó (opcional)
  • 1/2 chávena de chá (cup) de óleo de grainha de uva (ou outro que prefira)
  • 1/2 chávena de chá (cup) de água
  • Recheio
  • 3 marmelos médios bem maduros
  • 4 c.sopa de xarope de ácer (mais se pretender mais doce)
  • 1 c. sopa de canela em pó
  • 1/4 chávena de chá (cup) de nozes em pedaços

Preparação

1
Descasque os marmelos, retire as sementes e coza-os durante 40-50 min., ou até ficarem bem macios. Escorra-os e reserve.
2

Entretanto, numa taça misture bem as farinhas e junte de seguida os restantes ingredientes. Amasse bem tudo, até conseguir uma massa consistente e homogénea. Utilize os nós dos dedos para amassar e facilitar o processo. Forme uma bola e leve ao frigorífico num recipiente hermético durante 20-30 min para repousar.

3

Utilize 1/4 de um marmelo e fatie-o finamente para utilizar na decoração (opcional). Reserve. Num robot de cozinha triture os marmelos com os restantes ingredientes. Não triture demasiado pois pretendemos preservar alguns bocados.

4

Retire a massa do frigorífico, espalhe um pouco e farinha na bancada e molhe um pouco as mãos. Estenda a massa com um rolo, em todas as direções para conseguir uma figura mais ou menos circular, e até ter cerca de 0,5 cm de altura. De seguida ligue o forno a 180º e forre um tabuleiro com papel vegetal.

5

Transfira a massa para o centro do tabuleiro. Disponha o recheio do centro para as pontos e espalhe-o com uma colher, deixando uma margem de 7 a 10 cm em redor. Dobre essa margem por cima do recheio. Disponha o marmelo fatiado no centro da gallette para decorar (opcional) e adicione uma colher de xarope de ácer por cima, em zig-zag. Leve ao forno por 20 min. ou até a massa alourar. Retire e sirva ainda quente.

Nota: utilize ingredientes de origem biológica. Esta receita da base pode ser facilmente utilizada para outras tartes.

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Sobre Mim

Olá e bem-vinda(o) ao meu blog. O meu nome é Sofia e sou apaixonada por cozinha saudável e natural. Aqui vai encontrar receitas para o dia a dia e até para ocasiões especiais, sempre com ingredientes sazonais e locais.

O meu objetivo é simples: dar-lhe inspiração para cozinhar!

Subscreva o blog

Siga-me no Instagram

Visite a página no Facebook

Categorias

Receitas Recentes